Território Motorsport ganha mais um Sertões

198468_335498_404_02_fabiodavini_5002_web_
Era o título que faltava para a Equipe Ford Racing Trucks/Território Motorsport (Tatuí/SP). Heptacampeão invicto das sete últimas edições do Rally dos Sertões, o time já havia conquistado seis títulos consecutivos nos Caminhões Leves, entre 2007 e 2012, mas o título deste sábado (3), estava engasgado na garganta de Edu Piano, Solon Mendes e Carlos Sales, que em 2012 foram vices nos Caminhões Pesados, quando liderarem até a penúltima etapa, e este ano puderam gritar na rampa de chega em Goiânia (GO): É Campeão!

Líderes absolutos na edição 2013, o trio venceu sete das dez etapas e, ainda, cravou uma vantagem de 14h38m09s do segundo colocado. Após percorrerem 4.115 quilômetros, os campeões chegaram a etapa final com o dever cumprido e por ter driblado as adversidades de uma das edições mais difíceis da história da competição. E quem pode falar com excelência sobre o assunto é o veterano dos ralis, que neste ano completou a “maioridade”. Piano tem 18 participações, de 1996 até agora, e seis títulos conquistados – em 2005 foi Campeão Geral dos Carros e, em 2007, 2008, 2009, 2011 foi Campeão nos Caminhões Leves.

“Foi um rali sensacional, muito difícil e que exigiu demasiadamente do equipamento e também testou a resistência dos competidores. O trabalho de toda a equipe foi fantástico, assim como a navegação do Solon, a dedicação do Carlinhos, mas o caminhão esteve perfeito e muito bem preparado e, isto fez a diferença para nossa vitória”, explica o hexacampeão, piloto recordista de títulos nos Caminhões.

O cearense Mendes, também é veterano na modalidade, com 29 anos de off-road, completou 16 participações no Rally dos Sertões e, agora conquistou seu quinto título nos Caminhões, sempre ao lado de Piano. “Este é o terceiro ano que Edu e eu disputamos pela categoria dos Pesados e este título inédito, buscávamos desde o ano passado. Estamos muito felizes com o resultado e agradeço a Deus também por ter permito mais esta vitória, agora é correr para comemoração”, diz o navegador.

Se para Piano e Solon as prateleiras estão repletas de troféus do Sertões, para o co-piloto e mecânico do trio que “cuida” de perto do Ford Cargo 1933 4×4, este será o primeiro. “Acho que nunca vou me esquecer deste título, tem um sabor especial. E foi muito gratificante ver a evolução do caminhão e como ele foi guerreiro e não deu trabalho neste Sertões”, diz Sales, que é de Tatuí, São Paulo.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0