Campinas ganha sistema de abastecimento automático

A região de Campinas é a primeira a receber o sistema de abastecimento automático de combustíveis PiTStop, lançado no inicio de setembro, pela CTF Technologies do Brasil, nos postos BR. O projeto-piloto do PitStop foi implantado em Campinas – devido à ampla frota de veículos – e região (Indaiatuba, Jundiaí, Hortolândia, Paulínia, Valinhos, Vinhedo, Caieiras, Americana e Cajamar) em junho deste ano e envolveu investimentos de R$ 7,5 milhões.

O PiTStop é um sistema de abastecimento em que cada veículo recebe um adesivo com chip e é cadastrado no sistema online da CTF Technologies. Quando o motorista chega ao posto, o frentista “lê” o adesivo com um aparelho e, automaticamente, o abastecimento é liberado. “É só colocar combustível e ir embora”, comentou o presidente da CTF, Ariê Halpern.

Para a Petrobras Distribuidora, parceira da iniciativa, o sistema deve gerar um aumento ainda maior na fidelidade dos consumidores. “Estamos sempre em busca de inovações tecnológicas que facilitem os hábitos de nossos clientes e o PitStop é uma modalidade de pagamento moderna, segura e rápida que se enquadra em nossa meta”, observou o presidente da BR, José Lima de Andrade Neto.

O consumidor pode adquirir créditos para o abastecimento diretamente na CTF ou se cadastrar na empresa e efetuar o pagamento através de cartão de crédito, débito, boleto bancário, entre outros. 

O sistema oferece maior controle dos gastos e facilidade no pagamento, além da agilidade e da garantia de que seus dados pessoais estarão seguros. “Não há risco de clonagem ou de alteração nos valores”, lembra Halpern. O projeto conta com a parceria da Petrobras Distribuidora e dos bancos Bradesco e Itaú/Unibanco.

Pessoas jurídicas, que têm no transporte parte importante de seu negócio, também podem se beneficiar das facilidades do PitStop. As pessoas jurídicas contam ainda com o modelo de conta garantida através dos mesmos agentes financeiros, o Bradesco e o Itaú-Unibanco.

A previsão da CTF Technologies do Brasil é que o sistema chegue, em dezembro, a todas as regiões do Estado de São Paulo e, a partir de 2011, aos demais estados brasileiros.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0