Novo Polo é revelado na Alemanha

DB2017AU01081_large

A Volkswagen apresentou, na Alemanha, a nova geração do Polo europeu. O modelo desperta grande interesse no público brasileiro, já que chega ao mercado nacional no segundo semestre deste ano. Na europa, o modelo terá 5 opções de acabamento e nove opções de motorização, incluindo gás natural.

DB2017AU01088_largeA sexta geração do hatch ganhou mais espaço que a geração atual. São 4,05 m de comprimento, 1,74 m de largura, 1,44 m de altura e 2,56 m de entre-eixos. O que garante um crescimento de 8,1 cm de comprimento e 6,9 cm na largura, além de oferecer 9,4 cm a mais de distância entre os eixos. O porta-malas também ganhou novas dimensões, foi de 280 para 351 litros.

O Polo está sendo lançado nas três conhecidas linhas de equipamento Trendline, Comfortline e Highline, além da edição especial ‘Beats’ e da topo de linha GTI. Há ainda os pacotes opcionais de equipamentos, como R-Line, Black e Style.

Já na versão de entrada o modelo dispõe de itens como luzes diurnas de LED, limitador de velocidade e sistema Front Assist de monitoramento de área com Frenagem Urbana de Emergência e Monitoramento de Pedestres. A partir da Confortline o modelo recebe sistema de infotainment Composition Colour, ar-condicionado, sistema Driver Alert, vidros dianteiros e traseiros elétricos com controle one-touch e volante multifuncional.

São nove opções de motorização para o mercado europeu, divididos em gás natural, gasolina e diesel. A primeira, TGI, à gás natural, conta com 90 cv de potência máxima e não virá para o Brasil. Os dois motores à diesel, também exclusivos do mercado europeu, são, ambos, 1.6 litro TDI, mas com potências diferentes: 80 cv e 95 cv. Os motores à gasolina se dividem entre duas versões MPI (aspiradas), de 1,0 litro, com 65 cv e 75 cv, duas versões TSI (turbo) 1,0 litro de 95 e 115 cv, uma TSI de 1,5 litro com 150 cv e, por fim, a TSI 2,0 litros de 200 cv de potência.

As opções de câmbio são duas: manual de cinco marchas ou automática (DSG) com sete. As versões TGI, MPI e TDI (de 80 cv) contam apenas com a caixa manual, enquanto as outras dispõem das duas opções.

Para o mercado brasileiro o modelo deve trazer as motorizações do Golf: 1,6 litro com 120 cv, para os modelos de entrada, e 1.0 turbo de 125 cv, para os modelos avançados.

O hatch ocupará o espaço entre o Fox e Golf. Os preços não foram divulgados para o Brasil, mas deverá ficar entre R$ 50 mil e R$ 80, já que o Fox parte de R$ 46.890 e pode chegar em R$ 64.490, enquanto o Golf fica entre R$ 78.130 e R$ 132.250.

DB2017AU01083_large


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0