Porsche domina as 24 Horas de Le Mans

Porsche Le Mans
A Porsche conquistou sua 17ª vitória na classificação geral de Le Mans. Na 83ª edição da famosa 24 Horas a marca alemã fez dobradinha na linha de chegada. Os pilotos Earl Bamber (Nova Zelândia), Nico Hulkenberg (Alemanha) e Nick Tandy (Grã-Bretanha) ganharam a prova com o inovador Porsche 919 Hybrid exatos 45 anos após a primeira vitória da Porsche na classificação geral, em La Sarthe. Timo Bernhard (Alemanha), Brendon Hartley (Nova Zelândia) e Mark Webber (Austrália), com outro Porsche terminaram em segundo. Romain Dumas (França), Neel Jani (Suíça) e Marc Lieb (Alemanha) levaram o terceiro Porsche ao quinto lugar.
Até hoje, a marca Porsche é a maior vencedora da corrida de endurance mais tradicional do automobilismo mundial.
A vitória anterior também foi um primeiro e segundo lugares – em 1998, quando Allan McNish (Escócia), Laurent Aiello (França) e Stéphane Ortelli (Mônaco) terminaram em primeiro em seu Porsche GT1.
A Porsche só voltou no ano passado para a categoria top da prova, atraída pelas novas regras de eficiência. No Centro de Pesquisa da marca, em Weissach, foi desenvolvido o carro que correu este ano. O Porsche 919 Hybrid representa uma nova tendência, com motor turbo de pequeno tamanho e dois sistemas de recuperação de energia, que em conjunto criam um trem de força capaz de entregar cerca de 1.000 HP de potência. Ele funciona como um laboratório de corrida para maior eficiência dos futuros carros de série esportivos. Na 83ª 24 Horas de Le Mans, todos os sistemas deste carro de corrida altamente complexo foram testados até seus limites. Devido à competição muito equilibrada, especialmente entre os Porsche 919 Hybrid e os protótipos da Audi, a corrida prosseguiu em ritmo de qualificação duas vezes. Na qualificação, os três Porsche não apenas conquistaram os três primeiros lugares do grid como também estabeleceram um novo recorde de qualificação para o longo traçado de 13,629 km. O auge foi também o desempenho da equipe de box, que conseguiu fazer um total de 90 pit stops e foi significativamente mais rápida que a concorrência. O protótipo vencedor, de número 19, alinhou em terceiro no grid, e por um curto período de tempo, no início da prova, caiu para o oitavo lugar, antes de se estabelecer em sexto por uma fase mais longa. No fim das contas, foi a equipe estreante que ganhou esta prova clássica.

LeMansRacePodium

Nem o piloto de Fórmula 1 Nico Hülkenberg, que teve a alegria de estar no carro nos momentos mais emocionantes da corrida (ele guiou na largada e na chegada), nem Earl Bamber tinham experiência em Le Mans. Nick Tandy, o terceiro piloto do trio vencedor, já tinha pelo menos duas participações na 24 Horas de Le Mans 24 Horas para a Porsche, na classe GT. Ao fazer voltas super-rápidas, manterem-se calmos mas altamente concentrados, os três fizeram uma corrida sem erros e venceram por seus próprios méritos. Nos estágios iniciais da estressante maratona para homens e máquinas, o Porsche número 17 Porsche foi o líder. No entanto, uma punição (stop and go de um minuto) no final do primeiro terço da corrida os fez cair para o quarto lugar. Timo Bernhard, Brendon Hartley e Mark Webber mantiveram as cabeças frias e trabalharam duro. Com um desempenho consistentemente forte, progrediram para o segundo lugar. A tripulação do terceiro Porsche 919 Hybrid teve uma corrida bastante complicada. O pole position Neel Jani perdeu a liderança para Timo Bernhard logo após a largada. Por algum tempo, os pilotos estavam descontentes com o balanço dos freios, e a ocorrência de duas saídas de pista também não ajudou. Dada a cronologia dos acontecimentos, o rápido trio do carro número 18 não teve mais que o quinto lugar ao seu alcance.

Classificação

1 19 LMP1 Nico HÜLKENBERG, Earl BAMBER, Nick TANDY Porsche 919 Hybrid M 395 24:00’42.784 235 3’18.596 247.1
2 17 LMP1 Timo BERNHARD, Mark WEBBER, Brendon HARTLEY Porsche 919 Hybrid M 394 24:00’42.916 1 Laps 1 Laps 303 3’18.186 247.6
3 7 LMP1 Marcel FÄSSLER, André LOTTERER, Benoît TRÉLUYER Audi R18 e-tron quattro M 393 24:01’38.637 2 Laps 1 Laps 337 3’17.475 248.5
4 8 LMP1 Lucas DI GRASSI, Loïc DUVAL, Oliver JARVIS Audi R18 e-tron quattro M 392 24:00’45.336 3 Laps 1 Laps 351 3’17.831 248.0
5 18 LMP1 Romain DUMAS, Neel JANI, Marc LIEB Porsche 919 Hybrid M 391 24:00’49.233 4 Laps 1 Laps 138 3’18.917 246.7
6 2 LMP1 Alexander WURZ, Stéphane SARRAZIN, Mike CONWAY Toyota TS 040 – Hybrid M 387 24:01’08.581 8 Laps 4 Laps 318 3’22.633 242.1
7 9 LMP1 Filipe ALBUQUERQUE, Marco BONANOMI, René RAST Audi R18 e-tron quattro M 387 24:03’43.663 8 Laps 2’35.082 62 3’17.647 248.2
8 1 LMP1 Anthony DAVIDSON, Sébastien BUEMI, Kazuki NAKAJIMA Toyota TS 040 – Hybrid M 386 24:02’52.724 9 Laps 1 Laps 312 3’20.896 244.2
9 47 LMP2 Matthew HOWSON, Richard BRADLEY, Nicolas LAPIERRE Oreca 05 – Nissan D 358 24:00’56.706 37 Laps 28 Laps 310 3’36.836 226.3
10 38 LMP2 Simon DOLAN, Mitch EVANS, Oliver TURVEY Gibson 015S – Nissan D 358 24:01’44.888 37 Laps 48.182 244 3’36.679 226.4

Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0