Renault aposta nos SUVs para o Brasil

renault-1

O presidente da aliança Renault-Nissan, Carlos Ghosn, anunciou, em coletiva no Paraná, a chegada de mais três modelos da Renault ao Brasil: Kwid, Captur e Koleos, além de falar sobre os planos para o futuro da empresa no país. “Com este novo planejamento de produto, esperamos conquistar uma parte significativa do crescente segmento de SUVs”.

untitled-1O Kwid e o Captur serão fabricados em São José dos Pinhais (PR), mesma linha que produz os modelos Duster, Sandero, Logan e Oroch. Enquanto o Koleos será importado da Coréia do Sul.

O Kwid terá motor de 1,0 litro de três cilindros. Futuramente, ganhará outra motorização de 0,8 l. O modelo produzido na Índia apresentou sérios problemas de segurança. O modelo será revisto, por conta disso, a versão brasileira virá com uma estrutura mais reforçada e mais itens de série, incluindo airbags laterais. Segundo Ghosn, embora tenha o preço seja competitivo, o modelo não virá para ser o mais barato do Brasil.

Já a Captur utilizará os motores 1,6 l e 2,0 litros. Os câmbios serão manual ou CVT. A plataforma será a mesma do Duster, mas, revista, deve ocupar o mesmo mercado que Jeep Renegade e Honda HR-V.

O Kwid será o primeiro modelo a ser lançado, no início de 2017, seguido pelo importado Koleos e por último o Captur.

untitled-2 (1)

 


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0