USP desenvolve caminhão autônomo

img_2919 (1)

 

Pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), no Campus de São Carlos, em parceria com a Scania, desenvolveram o primeiro caminhão autônomo do Brasil. Ele é o pioneiro do gênero na América Latina.

O veículo é equipado com sensores que auxiliam no funcionamento. Na parte da frente, foram instalados câmeras e radares que detectam os obstáculos e estimam a distância até eles.  Além disso, foram inseridas antenas de GPS de alta precisão que “trilham” o caminho pelo qual o caminhão deve seguir.  Um computador  monitora a aceleração, frenagens, controle da direção,  evitando colisões e determinando a rota. Apesar  dos diversos testes já efetuados, o caminhão autônomo ainda vai passar por mais avaliações.

 

Carro-autonomo-da-USP-1

 

Antes do caminhão, os pesquisadores da universidade já haviam desenvolvido um automóvel de passeio totalmente autônomo. O projeto começou a ser elaborado em 2010 e fez seus primeiros testes em 2012. O carro leva o nome de “Carina” (Carro Robótico Inteligente para Navegação Autônoma) e funciona de maneira semelhante ao  do caminhão: um sensor laser no teto do carro identifica o que está num raio de 50 metros em torno do veículo; um GPS fornece a localização do carro e o percurso que deve ser feito;  e uma câmera que mede a profundidade em 3D, detecta  pessoas ou obstáculos. Assim como no caminhão, um sistema de informática fica responsável por virar o volante, frear e acelerar automaticamente.

Carros que dispensam motorista não são novidade, algumas empresas como a Volvo, Audi, Ford e até mesmo o Google já apresentaram versões de carros autônomos.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0