Porsche vence as 24 Horas de Daytona

A Porsche venceu pela 22ª vez a 24 Horas de Daytona, uma das mais tradicionais corridas de longa duração do calendário internacional. O quarteto formado pelo português João Barbosa, pelo alemão Mike Rockenfeller, pelo escocês Ryan Dalziel e pelo norte-americano Terry Borcheller conduziu um Porsche Riley, um protótipo equipado com motor V8 desenvolvido com base no do Porsche Cayenne.
Como em 2009, a vitória da Porsche teve contornos dramáticos e foi decidida apenas na bandeirada – algo pouco comum em corridas de 24 horas de duração. O segundo colocado, um BMW Riley conduzido por Scott Pruett/Max Papis/Memo Rojas/Justin Wilson, terminou na mesma volta do vencedor. Mais atrás terminaram dois carros conduzidos por pilotos brasileiros: Ricardo Zonta (Ford Lola) em quarto e Oswaldo Negri Júnior (Ford Riley) em quinto lugar. O terceiro brasileiro da prova, Raphael Matos, conduziu um Porsche Riley da equipe Brumos, vencedora da 24 Horas de Daytona em 2010. O carro deixou a corrida após completar 582 voltas e foi classificado em 26º lugar.

Resultado final:

1) João Barbosa/Terry Borcheller/Ryan Dalziel/Mike Rockenfeller (Porsche Riley), 755 voltas
2) Scott Pruett/Max Papis/Memo Rojas/Justin Wilson (BMW Riley), 755
3) Ryan Hunter-Reay/Christophe Bouchut/Scott Tucker/Lucas Luhr/Richard Westbrook (BMW Riley), 751
4) Tracy Krohn/Colin Braun/Nic Jonsson/Ricardo Zonta (Ford Lola), 735
5) Brian Friselle/Oswaldo Negri Jr./John Pew/Mark Wilkins (Ford Riley), 726
6) Max Angelelli/Pedro Lamy/Ricky Taylor/Wayne Taylor (Ford Dallara), 711 voltas.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0