Stock Car chega pela primeira vez ao interior paulista

 

A Stock Car vai ao interior paulista. Após a emocionante disputa da quarta etapa no Autódromo Internacional Nelson Piquet, no Rio de Janeiro, a principal categoria do automobilismo nacional se prepara para mais uma grande festa de técnica e velocidade. Piloto, equipes e organização voltam suas atenções para a estreia no interior de São Paulo, um dos maiores pólos econômicos do país, com a realização do GP Ribeirão Preto. No dia 6 de junho, a cidade será palco da quinta etapa da Copa Caixa Stock Car, divisão principal, e da quarta prova da Copa Chevrolet Montana, divisão de acesso.

Em seus 32 anos de história, está será a primeira vez que o interior de São Paulo sedia uma etapa da Stock Car. Além disso, trata-se de mais uma etapa disputada em um circuito de rua, repetindo o que foi feito no ano passado em Salvador, com o GP Bahia Stock Car – a segunda edição será no dia 15 de agosto. Essa modalidade de prova possibilita levar o circo da categoria aos fãs de outras regiões do país que não possuem autódromos.

Mas Ribeirão Preto já possui uma forte ligação com a Stock Car. Afinal, é a casa da família Gomes, que tem como expoente o tetracampeão brasileiro da categoria, Paulo Gomes, além de seus filhos, Marcos e Pedro, ambos participando da Copa Caixa Stock Car 2010. “Tenho certeza que será uma grande festa e que o povo da cidade e região receberá a Stock Car de braços abertos”, afirma Paulo Gomes.

A Stock Car chegará à cidade paulista em um momento muito especial. O equilíbrio e a emoção estão sobrando nas duas divisões, o que faz prever corridas eletrizantes no dia 6 de junho. Na Copa Caixa Stock Car, pilotos e equipes vão embalados pela bela corrida no Rio de Janeiro. Além disso, será a quinta etapa da primeira fase e aqueles que buscam uma vaga entre os dez que brigarão pelo título na Super Final tentarão um resultado positivo e marcar os importantes pontos.

Até agora, em quatro etapas, quatro pilotos diferentes subiram ao topo do pódio: Max Wilson (São Paulo), Allam Khodair (Curitiba), Ricardo Maurício (Velopark) e Felipe Maluhy (Rio de Janeiro). A liderança é do paulista Átila Abreu, da AMG Motorsport (Chevrolet), com 69 pontos e já garantido na Super Final. Em segundo lugar aparece Max Wilson, da Eurofarma RC (Chevrolet), com 48, enquanto seu companheiro de equipe, Ricardo Maurício, está em terceiro, com 45.

Se a Super Final fosse agora, os outros oito classificados seriam os seguintes: 4) Felipe Maluhy, 42; 5) Allam Khodair, 41; 6) Nonô Figueiredo, 39; 7) Daniel Serra, 33; 8) Júlio Campos, 32; 9) Cacá Bueno, 29; e 10) Lico Kaesemodel, 18.

A Copa Chevrolet Montana também apresenta um campeonato empolgante, com três vencedores diferentes em três provas disputadas Júlio Campos (Curitiba), Ítalo Silveira (Velopark) e Eduardo Leite (Rio de Janeiro). A primeira colocação é do paranaense Diogo Pachenki, com 54 pontos, seguido pelos paulistas Eduardo Leite, 39, e Rafael Daniel, 37.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0