Volkswagen chega a 6 milhões de motores na fábrica de São Carlos

A fábrica de motores da Volkswagen do Brasil, em São Carlos, interior de São Paulo, comemorou quarta-feira (21) a marca de 6 milhões de motores produzidos desde o início das atividades, em outubro de 1996. A unidade é a terceira maior fábrica de motores do Grupo Volkswagen, atrás somente de Salzgitter (Volkswagen), na Alemanha, e Györ (Audi), na Hungria.

Atualmente, a fábrica de São Carlos produz 3.100 motores completos e 300 motores parciais por dia, em 42 modelos diferentes, de 1.0, 1.4 e 1.6 litro. Eles equipam os modelos Gol, Fox, Voyage, Crossfox, Saveiro, Polo, Polo Sedan, Kombi, Gol G4 e Golf.

“Contamos com colaboradores bastante motivados e qualificados, que operam dez linhas de montagem de alto nível tecnológico, contendo 11 robôs e 77 estações automáticas. Isso resulta na produção de motores com alto nível de eficiência, qualidade e desempenho e consumo reduzido de combustível”, disse Marcos Ruza, gerente executivo da unidade de São Carlos.

Fábrica está entre as três maiores da empresa

Para o mercado brasileiro, 100% dos motores recebem a tecnologia bicombustível Total Flex. Para o mercado externo são produzidos motores parciais que equipam o SpaceFox, na Argentina.

A fábrica de São Carlos emprega 818 empregados diretos e cerca de 400 prestadores de serviço. A empresa ainda mantém parcerias com as universidades da região e com o SENAI, instituição que recebeu a doação de  motores para contribuir com a formação profissional dos técnicos.

Inovação

O Centro de Treinamento da fábrica possui um conceito inovador, com a adoção de um protótipo de motor (Concept Engine) que é montado e desmontado para o aprendizado dos empregados. O treinamento reproduz as etapas da linha de produção e apresenta o Sistema de Produção Volkswagen. Nesse processo, os empregados podem vivenciar as atividades dos postos de trabalho.

“A bem sucedida experiência transformou-se em um caso de sucesso da empresa, e já é estudada para ser reproduzida em outras unidades da Volkswagen pelo mundo”, afirmou Ruza.

Sustentabilidade

A fábrica foi uma das vinte primeiras empresas brasileiras e a primeira do Grupo Volkswagen fora da Europa a certificar seu Sistema de Gestão Ambiental em conformidade com a ISO 14001.

Um dos projetos de destaque é a Central de Compostagem, iniciada em 2007, que transforma parte dos resíduos orgânicos gerados no restaurante da fábrica em adubo utilizado em suas áreas verdes. O projeto rendeu à unidade o 1º prêmio AutoData em Responsabilidade Ambiental.

Outra ação ambiental de destaque é o reuso da água tratada para lavagem de racks utilizados no transporte de motores, que possibilitou uma redução de 1.056 m³/ano no consumo de água da fábrica. A iniciativa foi reconhecida pela Cetesb como caso de sucesso no programa produção mais limpa.

Parceria com a comunidade

Além desse trabalho, há projetos realizados em parceria com a sociedade. Entre eles, o Parque Ecológico “Dr. Antonio Teixeira Vianna”, em São Carlos. Em 2010, foram investidos R$ 145 mil nas reformas dos recintos de espécies como o condor andino, urso de óculos e lobo guará, além do aviário para aves regionais e o bioma cerrado.

Em 2011, a Volkswagen destinará R$ 60 mil para a manutenção destes espaços. Investimentos realizados pela empresa anteriormente no parque colaboraram, por exemplo, para que a reprodução dos ursos de óculos aumentasse. Atualmente 50% dos animais desta espécie em cativeiro existentes no País são oriundos do parque de São Carlos.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0