Coluna “Andando de Carro” 12.06.2020

Toyota promete nova geração da Hilux para o ano que vem

Antônio Fraga | Especial para ACidade ON
12/6/2020
A nova geração da picape Toyota Hilux vai chegar ao mercado no início do próximo ano (Foto: Divulgação) 
A nova geração da Toyota Hilux tem linhas mais agressivas e motores mais potentes (Foto: Divulgação)

Nova Geração
A Toyota prepara para o final do ano o lançamento da nova geração da picape Hilux. Além do design renovado, a nova Hilux terá uma aparência mais “agressiva” e contará com um novo motor de 2,8 litros, quatro cilindros em linha, turbo diesel, que desenvolverá 204 cavalos e 500 Nm de torque máximo. A transmissão será de seis velocidades, tanto na opção automática como na manual. Segundo dados da marca japonesa, a picape na versão 4X4 e cabine dupla vai acelerar de 0 a 100 km/h em 10 segundos, mas velocidade máxima não é divulgada.

A picape Hilux, que surgiu para o mercado mundial em 1968, contará com uma nova grade dianteira, novos faróis de Led e, na versão de entrada, rodas de 18 polegadas. A capacidade de carga continua de mil quilos e a de engate de 3,5 mil quilos.
Por dentro, haverá também uma boa evolução, principalmente na área da tecnologia e multimídia. Além de uma tela moderna no meio dos instrumentos, haverá uma tela sensível ao toque no meio do painel.
A nova geração ainda não tem data para ser lançada no Brasil.

O novo BMW M340i xDrive surpreende pelo acabamento esportivo e motor muito potente (Foto: Divulgação)

Muito veloz
O novo BMW M340i xDrive sedan chega ao mercado nacional e se junta aos demais membros da Série 3, que é semi montada no Brasil. O modelo esportivo vem com motor seis cilindros em linha, turbo, com 387 cavalos e 500 Nm de torque máximo. O M340 tem velocidade máxima limitada em 250 quilômetros por hora e acelera de 0 a 100 km/h em 4,4 segundos. O modelo conta com tração integral. Os modos de condução inteligentes permitem que o motorista aproveite da melhor maneira a boa performance do modelo. O modelo custa no Brasil R$ 426.950,00.

O Volkswagen Arteon (Foto: Divulgação) 

Continuar o legado
O modelo Volkswagen Arteon, desde 2017, já foi mostrado várias vezes. Mas no próximo dia 24, a marca alemã vai mostrar o novo Arteon, que nada mais é que o sucessor do belo Passat CC. Tendo como design a “forma” de um coupê com quatro portas. Haverá também uma perua. O novo CC será um carro com muita tecnologia embarcada, sistemas de conectividade de ultima geração e info-entretenimento modernos.

As picapes Volkswagen Amarok 4X4 percorrem as praias portuguesas fazendo salvamentos (Foto: Divulgação) 

Belíssima ação
E por falar da Volkswagen europeia, pelo décimo ano seguido a marca se associa ao projeto SeaWatch. Em parceria com outras empresas, a VW cedeu 30 picapes Amarok 4X4 para que a Marinha portuguesa faça nas praias lusitanas, durante o verão, o patrulhamento e salvamento de banhistas. Em nove anos no projeto, as picapes percorreram 280 mil quilômetros e fizeram 1.600 socorros.

Muitas dificuldades
E a pandemia faz mais uma vítima. A marca britânica Bentley prepara a demissão de mil trabalhadores, assim eliminando cerca de 25% do quadro de pessoal. Os mil funcionários vão se juntar aos 500 eliminados pela Aston Martin e 1.200 que a McLaren também deve demitir.

A Bentley acreditava num ano espetacular pelas vendas recordes do primeiro trimestre dos modelos GT e Flying Spur. A marca hoje trabalha com apenas metade de sua capacidade.

Para conter os prejuízos, a marca também vai abandonar o campeonato Intercontinental GT Challenge, que teve início em fevereiro, na Austrália, quando venceu na sua categoria com um Continental GT3.

O Jeep Compass ganha nova geração e passa a ser fabricado na Itália, para atender toda a Europa (Foto: Divulgação)  

Sucesso total
Antes importada do México, a nova geração do Jeep Compass passou a ser produzida na fábrica de Melfi, em Itália. A ideia da marca é facilitar e agilizar a distribuição do SUV na Europa.

Além de algumas mudanças estéticas, o novo Compass ganhou um novo motor 1,3 litros, turbinado e em duas versões de potência: 130 e 150 cavalos.

O Compass também vai contar com duas opções de transmissão, manual e automática, com seis velocidades.
A versão a diesel tem motor turbo de 1,6 litro, com 120 cavalos.

Mas o modelo mais esperado chegará até o final do ano. Será o 4xe, o primeiro Compass híbrido e com tração nas quatro rodas. Com motor de 1,3 litro, à gasolina, ele será responsável por “mandar” força para as rodas dianteiras e o elétrico para as horas traseiras. O modelo mais potente terá 240 cavalos.

Desde a sua primeira geração, o Hyundai Santa Fé um sucesso de vendas em todo o mundo (Foto: Divulgação)  

Sucesso mundial
E a quarta geração do Hyundai Santa Fé já tem data marcada para aparecer: primeiro trimestre de 2021. Com um design mais aprimorado, destaca-se a nova grade cromada, os faróis em Led e mais tecnologia embarcada e de segurança. As dimensões externas do SUV e os motores deverão ser os mesmos do atual modelo.

A Mitsubishi é uma grande incentivadora do off road e a Motorsports vem confirmar isso (Foto: Divulgação)  

Para marcar
Para comemorar os 26 anos das disputas dos ralis organizados pela Mitsubishi Motorsports, a marca lançou uma nova versão da picape L200 Triton. A série especial L200 Triton Motorsports conta com um visual mais invocado, com acabamento em preto fosco, presente em diversas partes do modelo, como na grade frontal, no robusto para-choque de impulsão, nos detalhes do para-choque traseiro, nos espelhos retrovisores, nas molduras das caixas de rodas, nas bordas dos faróis de neblina e das lanternas traseiras. As rodas de aro 17 polegadas também estão pintadas de preto e estão “calçadas” com pneus Pirelli Scorpion All Terrain Plus 265/65. Por último, o teto foi pintado em preto brilhante e equipado com um rack em barras longitudinais.

Para contrastar com todo o preto fosco, a picape conta com o protetor de cárter em prata fosco e com três cores: branco perolizado, bege e cinza. Preço: R$ 179.990,00. Por dentro, os acabamentos das portas, painel de instrumentos, saídas de ar e da moldura do seletor de marchas foram pintados na cor da carroceria. Eles contrastam com o preto predominante no interior do modelo e com o cinza presente em detalhes do volante e no porta-luvas.

O motor é o mesmo das demais L200 Triton, um 2,4 litros, turbo diesel, que oferece 190 cavalos de potência e 43,9 kgfm de torque.

Uma pena o Fiat 500 não ser mais importado, pois a nova geração é sucesso em todo o mundo (Foto: Divulgação)  

Sucesso absoluto
A terceira geração do Fiat 500 é um sucesso na Europa. A versão conversível, em edição especial, vendeu tudo antes do previsto. E a versão La Prima é a primeira com motor elétrico de 118 cavalos, alimentado por bateria com 42 kWh e autonomia de até 320 quilômetros. O 500 La Prima também será uma edição limitada, numerada e bem equipada, com teto solar de vidro, interior em couro e tecnologia de info-entretenimento UConnect 5, entre outros equipamentos de segurança. Junto virá um carregador rápido de 85 kW ou easyWallbox que será ligado diretamente à rede elétrica caseira. Será que nem este virá para o Brasil?

Há 29 anos a Fiorino é líder de vendas em seu segmento e a nova geração tem mais valor agregado (Foto: Divulgação)

Para liderar
E por falar em Fiat, a linha 2021 do comercial leve Fiat Fiorino já está à venda nos concessionários. Disponível apenas na cor branca, o Fiat Fiorino conta com duas versões: 1,4 e Hard Working.A versão Hard Working chega com banco com regulagem e tecido exclusivo, com ar-condicionado, computador de bordo (distância, consumo médio, consumo instantâneo, autonomia, velocidade média e tempo de percurso), conta-giros, direção hidráulica, faróis de neblina, porta-luvas iluminado, predisposição para som (dois alto-falantes dianteiros, dois tweeters e antena), travas elétricas, vidros elétricos dianteiros com one-touch (subida e descida) para motorista e volante com regulagem de altura.

A capacidade de carga é de até 650 quilos. O Fiorino, na versão de entrada, custa R$ 68.290 e a versão Hard Working, R$ 77.790.

Com o Volvo VM City, a marca sueca que produz no Paraná entra na briga pela distribuição urbana (Foto: Divulgação)

Para as cidades
E de leve para pesado. A Volvo está lançando uma nova opção de caminhão para as distribuições nas regiões urbanas e de pequenos trechos. O VM City conta com motor de 270 cavalos, transmissão de seis marchas e um eixo traseiro de dupla velocidade.

A marca Troller adotou os mesmos cuidados com a pandemia que sua dona, a Ford (Foto: Divulgação)

Higiene fora de estrada
Todas as 18 concessionárias da Troller já estão operando após o período de pandemia. Elas agora oferecem também um novo serviço de desinfecção de veículos, feito com um produto de uso profissional, o “Peróxido Pronto Uso” da 3M.
O novo padrão de higiene e atendimento da Rede Troller segue os mesmos protocolos já introduzidos nas concessionárias Ford.Além da redução do número de veículos expostos no showroom, os novos protocolos incluem rotinas frequentes de limpeza e higienização de todas as áreas da revenda, incluindo pisos, balcões, móveis, torneiras e equipamentos.
Segundo a marca, os veículos expostos ou usados para test-drive são higienizados após o atendimento de cada cliente, incluindo um controle fixado na janela com o nome, hora e assinatura do funcionário que realizou o serviço.

Onix lidera
Pesquisa feita pela plataforma Digicarro mostra os 12 veículos mais procurados durante a quarentena, que estimulou os consumidores a pesquisarem diversas oportunidades de compra. O Chevrolet Onix é o carro mais procurado na plataforma, com participação de 18,76%, seguido pelo Ford Ka, com 6,26%; VW T-Cross, com 6%; Fiat Mobi, com 4,5%; e Nissan Kicks, com 3,9%.

Outro levantamento interessante mostra as três cores mais procuradas, que são o preto com 41,5%; o branco com 19,7%; e o cinza com 12,8%. O tíquete médio para compra também subiu, de R$ 73,3 mil para R$ 81 mil. A pesquisa foi realizada de 17 de março a 17 de maio.

Os mais procurados:
Onix 12,5%
Onix Plus 6,26%
Ka 6,26%
T-Cross 6%
Mobi 4,5%
Kicks 3,9%
Ecosport 3,5%
Fit 3,4%
HR-V 3,3%
Argo 3,2%
Renegade 2,9%
Uno 2,4%.

A Fundação do Grupo Volkswagen tem se destacado por ações de inclusão da pessoa portadora de deficiência (Foto: Divulgação)  

Bonita ação
Nos próximos meses de junho, julho e agosto, a Fundação Grupo Volkswagen, em parceria com a organização social ASID Brasil, realizará o projeto “Conversas Inclusivas”, uma série de webinares voltados à inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. O conteúdo será direcionado para pessoas com deficiência, famílias, empresas, profissionais de Recursos Humanos, instituições sociais e demais interessados. Os webinares serão ao vivo e terão 1 hora de duração. As transmissões acontecerão na página da ASID Brasil no YouTube e contarão com intérpretes de Libras. O primeiro webinar, em 16 de junho, discutirá alguns aspectos da legislação voltados à pessoa com deficiência, entre eles acessibilidade e o Benefício de Prestação Continuada (BPC), que tem sido tema de discussões e alterações legislativas nos últimos anos. O especialista convidado é Cid Torquatto, Secretário Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo (SP).

Datas dos webinares:
· Descomplicando a legislação: por trás do BPC e acessibilidade
Dia 16/6, às 16h
· Inclusão de pessoas com deficiência intelectual
Dia 23/6, às 16h · Capacitação de pessoas com deficiência feita pelas instituições
Dia 8/7, às 16h
· Mentoria para pessoas com deficiência
Dia 23/7, às 16h
· Empresas referências em inclusão de pessoas com deficiência: o que elas têm feito?
Dia 6/8, às 16h
· Lei de Cotas: importância, fiscalização e panorama da inclusão no Brasil
Dia 19/8, às 16h
Inscrições abertas para o primeiro evento: http://www.even3.com.br/webinario1asidbrasil/

Festança total
A Caoa está comemorando o primeiro milhão de veículos Hyundai vendidos no mercado nacional. O grupo começou a vender a marca coreana no Brasil em 1999. Antes de o grupo Caoa fechar a parceria, a marca coreana já havia feito duas investidas no Brasil com outras empresas, mas não deu certo. Além dos modelos importados, revendidos no mercado nacional, a Caoa tem um fábrica inaugurada em 2007 onde são produzidos o iX35, o Tucson e o caminhão urbano HD78. O grupo também é responsável por boa parte das vendas do HB 20 e Creta, produzidos em Piracicaba (SP). Em 2012, a Caoa ganhou o título de Distribuidor do Ano, a mais alta honraria global possível concedida a um concessionário da marca. O grupo brasileiro concorreu com 179 distribuidores de todo o mundo e foi o primeiro, fora do eixo Ásia-Europa, a receber este reconhecimento.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0